terça-feira, dezembro 02, 2014

Não dá para suportar



[...] Estou em uma nostalgia, pensando no passado, pensando no que já vivi, hoje eu entendo que tenho historias para contar, espero que os meus filhos entendam os meus erros e claro não cometam os mesmos.
Estou feliz, creio que as lágrimas que derramei foram apenas para me fortificar, foram para me mostrar que eu posso seguir em frente mesmo em meio as dificuldades. Hoje escrevo de mim, pois estou cansada de falar de quem não merece nem um pouco do as minhas palavras bonitas e a sinceridade que emana do meu ser.
Gostaria de gritar ao mundo o quanto sou feliz por viver, por respirar e por poder amar cada ser que existe no mundo, infelizmente não posso, mas posso escrever.
Acho que todos já me conhecem e sabem dos meus dramas, textos tristes, amores não correspondidos, hoje eu quero dizer, que nada mais importa, e o que importava ficou para trás. Demorei muito para aprender a viver, agora só quero que fique claro, eu aprendi, depois de tanto tropeçar, aprendi, depois de tanto cair, aprendi, depois de tanto chorar, aprendi, depois de tanto me irritar com a vida, posso dizer firmemente, eu aprendi.
Dizem por ai que só aprendemos na dor, eu sou a prova viva dessas palavras, sempre espero muito de quem não deveria esperar  e quero muito de quem não deveria querer, me entrego a quem não deveria me entregar.
Porém, sabe o não dá mais para suportar? Não dá mesmo. Eu vou viver, vou sorrir, quero que realmente se exploda a sociedade que não concorda com o meu modo de agir, pois cansei de ser a tonta que todos pisam e sai por ai taxando como otária, eu nunca fui assim, como eu já disse, sempre fui a ogra, sem coração, que sabe brincar na hora de brincar. Desculpem, mas a ogra acabou de acordar, aprendi que quem é boa demais acaba machucada, sei que o bem sempre vence no fim, mas final feliz e contos de fadas não existem, desculpem a aqueles que acreditam no príncipe de cavalo branco, ele não vira, ele não te chamará em baixo de sua janela e ele não te pedirá em casamento depois do primeiro beijo. O máximo que você vai conseguir é uma dor de cabeça e uma desilusão.
Nossa, você está sendo muito dura. Não estou, sou realista, e não estou triste ou sofrendo, pelo contrário, esse choque de realidade me deixou forte e feliz, estou rindo para tudo, estou sorrindo para o mundo.
Acabo de lembrar que mais um ano está no fim, e posso afirmar que esse foi o ano mais vivido que eu tive, não me arrependo de nada que eu fiz, principalmente do mês de fevereiro. Sim, meu aniversário foi o melhor, obrigada aos responsáveis por isso.

Quero deixar bem claro, que algumas coisas vão mudar por aqui, principalmente aqui dentro de mim. Espero que notem as “novidades”. 


Reações:

Quem escreve?

Quem escreve?

Facebook

Galeria de Fotos

Skoob

Copyright © Parte de Minha História | Powered by Blogger
Design by Lizard Themes | Blogger Theme by Lasantha - PremiumBloggerTemplates.com